Low carb além da alimentação

Low carb além da alimentação

A dieta low carb consiste na redução do consumo de carboidratos, o que leva a uma redução de produtos industrializados, com excesso de açúcares. No entanto, é preciso ir além da alimentação para atingir uma vida saudável.

Pense no seu dia a dia. Por mais que você tenha uma alimentação adequada, existem diversos outros hábitos que podem contribuir para uma vida mais saudável, mas que são frequentemente esquecidos.

O corpo é um organismo complexo que funciona em conjunto, então a dieta low carb deve estar sempre acompanhada de outros cuidados. Pensando nisso, listamos alguns hábitos para construir um estilo de vida saudável que podem ser facilmente incorporados à rotina.

Leia mais: Como planejar uma dieta de sucesso

1. Atividade física

Praticar atividades físicas é diferente de praticar exercícios. A atividade física é qualquer ação que movimente o corpo, enquanto o exercício físico é uma sequência de atividades feitas com um objetivo.

Assim, priorizar subir a escada ao invés de usar o elevador ou fazer pequenos trajetos andando já é uma maneira de praticar atividades físicas no dia a dia. Alongamentos também podem ser positivos, especialmente para quem passa a maior parte do dia sentado e não tem muito tempo livre.

2. Higiene do sono

A higiene do sono é o conjunto de atividades e hábitos que podem ser feitos para proporcionar um sono de maior qualidade. Além de proporcionar uma noite de sono melhor e mais longa, também pode evitar insônia, pesadelos e diversos distúrbios do sono.

Criar um bom ambiente no quarto, sem muitas luzes e barulhos, e manter dispositivos eletrônicos distantes antes de dormir já fazem diferença. Dar uma atenção especial à alimentação, evitando alimentos com cafeína e muito pesados durante a noite também é essencial. Para um jantar leve, as nossas sopas são ideais.

Creme de cebola

3. Acompanhamento com profissionais de saúde

De acordo com uma pesquisa do Instituto Data Popular, seis em cada dez brasileiros só procuram o médico quando estão doentes. Embora seja difundido que prevenir é sempre melhor, isso não recebe a prioridade necessária na prática.

Visitar regularmente um clínico geral, nutricionista e ginecologista ou urologista, entre outros profissionais específicos, pode evitar diversos problemas futuros. Ainda que seja apenas para confirmar que tudo está bem, esse é um hábito que não pode ser negligenciado.

4. Cuidado com a saúde mental

Assim como a saúde do corpo, a saúde da mente não pode ser ignorada. Diversos problemas físicos, como dores de cabeça, cansaço e refluxo, podem ser sinais de que a saúde mental também precisa de atenção.

Ter um tempo para relaxar, manter atividades prazerosas na rotina e cultivar o autoconhecimento são ações importantes para que a mente permaneça saudável. Caso o autocuidado não seja suficiente, buscar a psicoterapia é essencial para compreender questões mais profundas que afetam a sua saúde mental.

5. Relações saudáveis

Além do cuidado com a própria saúde mental, diversos problemas que afetam a mente são trazidos pelas pessoas ao redor. Sendo assim, prezar por relacionamentos saudáveis também é uma forma de cuidar da saúde e ter uma rede de apoio para momentos difíceis.

Como nem todas as relações na vida são positivas, trabalhar a sua inteligência emocional é primordial para moderar as suas reações às situações adversas do dia a dia. Não é preciso se blindar completamente aos outros, da mesma forma que não é preciso se abalar por tudo que acontece.

É essencial lembrar que uma boa saúde está relacionada ao bem-estar físico, emocional e social. A dieta low carb traz grandes contribuições à saúde física e, quando associada a esses hábitos, só acrescenta ainda mais qualidade de vida.

Atenção: os resultados divulgados no blog Comida Boa podem variar de pessoa para pessoa. É imprescindível consultar seu médico ou nutricionista antes de iniciar uma dieta. Cuide bem da sua saúde!

Este artigo foi escrito com auxílio da nutricionista e criadora da Comida Boa, Bia Nunes.

Ficou com alguma dúvida? Conta pra gente nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *