A Comida Boa é low carb

Diariamente, pessoas nos perguntam se a Comida Boa é mesmo low carb. A boa notícia é que sim! Todos os nossos pratos, pães, bolos e doces são low carb. Usamos somente alimentos com baixo teor de carboidrato e, além disso, tudo que sai da nossa cozinha não contém glúten nem açúcar.

Usamos a frase acima para responder pessoas interessadas que, quase sempre, se tornam nossas clientes. Mas, ainda temos muito a compartilhar sobre a low carb. Por isso, usaremos o blog da Comida Boa como principal canal de comunicação, trazendo informações úteis a todos que seguem ou desejam seguir este estilo de vida.

 

Mas, afinal, o que é low carb?

 

Segundo a nossa nutricionista e fundadora da Comida Boa, Bia Nunes, a low carb é sustentada pelo seguinte tripé:

 

1. Carboidrato

Substituir alimentos com alto teor de carboidrato e índice glicêmico por alimentos com alto teor de gordura boa. Esta substituição é importante, pois ao ingerirmos carboidrato nos sentimos saciados e a saciedade será provocada, agora, por alimentos que contém gordura boa como:

Oleaginosas são ricas em gorduras boas, que substituem o carboidrato.
  • Oleaginosas
  • Queijos amarelos
  • Creme de leite fresco
  • Requeijão integral
  • Ovos
  • Carnes (bovina e suína)
  • Aves
  • Peixes e frutos do mar
  • Abacate
  • Coco

As oleaginosas mais conhecidas são as simpáticas castanhas de caju e do Pará, a amêndoa e as nozes. Também fazem parte deste grupo o amendoim, a avelã e a macadâmia.

 

2. Glúten

Cortar totalmente o consumo de glúten, substituindo a farinha de trigo, por exemplo, por farinhas feitas das oleaginosas que citamos acima. Nos pães, bolos, tortas, quiches e cookies da Comida Boa nós usamos as farinhas de amêndoas, linhaça e amendoim. Cortar o glúten é uma tarefa difícil para nós brasileiros tão acostumados com pão francês no café da manhã, arroz, feijão e macarrão no almoço, acompanhados quase sempre de batatas nos mais variados formatos (purê, souté, dorê, frita), além da querida pizza que tem entrada liberada a qualquer hora do dia ou da noite.

Geleia de morango da Comida Boa. Deliciosa!

 

3. Açúcar

Cortar totalmente o consumo de açúcar e adoçantes industrializados, substituindo-os por adoçantes naturais como o eritritol e o xilitol. Aqui na cozinha da Comida Boa, nós usamos o xilitol para adoçar nossos doces, bolos, cookies e a deliciosa geleia de morango. Estes adoçantes são facilmente encontrados em lojas de produtos naturais e nas sessões de produtos naturais de supermercados

 

Dicas para fazer da low carb sua amiga para a vida:

 

É comum que algumas pessoas desistam de seguir o estilo de vida low carb após um certo período, por ficarem enjoadas de tanto comer ovo com queijo-prato no café da manhã, carne com brócolis no almoço e frango com abóbora no jantar. De fato, nós concordamos. Chega uma hora que nem a pessoa mais adepta à low carb encara o centésimo ovo mexido no dejejum.

 

Bia Nunes e Edilson Nunes, chef de cozinha e co-fundador da Comida Boa, estavam cansados da restrição de alimentos que, aparentemente, a low carb impunha. Dispostos a desbravar um novo mundo de sabores, pesquisaram, testaram e descobriram receitas incríveis que hoje estão presentes em nosso cardápio.

 

Aqui, eles citam boas dicas para nos mantermos firmes e fortes na low carb:

 

  • Faça receitas simples e tradicionais com legumes permitidos na low carb. Não é só com batata que se faz um delicioso purê. A couve-flor e a abóbora japonesa têm texturas ótimas para serem transformadas em deliciosos purês. O cardápio da Comida Boa tem três pratos com purê de couve-flor que são de comer rezando de tão deliciosos.
Pão low carb de sementes. Macio e saboroso.

 

  • Arrisque-se na cozinha e asse o seu próprio pão low carb. Morder um delicioso pão no lugar do omelete é essencial para seguirmos no estilo de vida low carb. Se cozinhar não for o seu forte ou se o tempo for curto para preparar pães, temos ótimas opções de bolos e pães low carb na loja virtual da Comida Boa.

 

  • A internet tem inúmeras receitas de pratos com baixo teor de carboidrato e sem glúten que vão te surpreender. Variar o cardápio é fundamental para não desistir da low carb.

 

  • Busque apoio e incentivo nas redes sociais. Temos clientes queridos como a Roberta Levatte, que criou o perfil @lowcarb_eh_vida a fim de relatar sua mudança de rumo para o estilo low carb e, hoje, tem milhares de seguidores que encontram nela incentivo e animação para seguirem dizendo não ao consumo excessivo de carboidrato e glúten.